Blog

Link Building

Conceito de link building

O trabalho de link building é um dos mais importantes e que mais geram resultados em SEO (otimização de sites). Se você quer ver o seu site entre os primeiros, é hora de angariar links. Neste artigo, vamos aprender o que é, como funciona, quais as melhores estratégias e por onde começar com a construção de links.

Há muitos anos, os motores de busca passaram a utilizar os links para encontrar novos sites e páginas, e através de complexos algoritmos, avaliar e atribuir relevância a páginas da web.

 

O que é link building?

O termo link building, em português “construção de links”, é utilizado para definir as estratégias de SEO que são adotadas para a aplicação de uma arquitetura interna e aquisição externa de links. Resumindo, o objetivo é criar links que relacionem adequadamente suas próprias páginas e conseguir que outros sites de relevância, também o façam. Quando diversos sites “apontam” para o seu, essa ação é chamada de backlink.

 

Seja uma autoridade!

Ter autoridade perante os sites de busca faz com que as páginas do seu site sejam ranqueadas mais facilmente e o trabalho para se tornar uma autoridade no próprio segmento de atuação tem direcionado as principais estratégias de marketing digital e otimização de sites.

Otimizar um site não se resume a backlinks, mas há bastante tempo os mais diversos profissionais de SEO atribuem a estratégia de construção de links como uma das principais em geração de grandes resultados. Através deles, os buscadores também podem medir a popularidade, confiança e, é claro, a autoridade.

Ferramentas como a Open Site Explorer da Moz, possuem métricas que visam simular como Google e outros motores de busca enxergam a autoridade do domínio e de determinada página. Você pode utilizá-la para analisar a força das páginas e domínios concorrentes e assim, avaliar as reais possibilidades de ranquear acima deles.

 

Construção de links para o Google

A incessante busca pelo primeiro lugar do Google, faz com que muitos webmasters apliquem em seus projetos estratégias ilícitas perante as diretrizes do Google para tentar distorcer os resultados de busca (spam), chamadas técnicas de Black Hat. Combater spammers é um dos principais focos do gigante das buscas para manter a qualidade e relevância dos resultados que são apresentados em cada consulta das milhões que são feitas diariamente.

No caso dos links, era comum que as pessoas saíssem criando links em fóruns, comentários de blogs e lojas virtuais e até mesmo comprando outros domínios e enchendo de links para o site que gostariam de impulsionar. Para combater isso, foram desenvolvidos algoritmos com o objetivo de filtrar possíveis resultados de spam e junto a eles, algumas recomendações do Google sobre como o link building deveria acontecer

 

Como é um bom link?

A criação do conceito de link building faz um paralelo com a vida real. Na web, links são como votos de confiança, recomendações que as pessoas fazem umas para as outras. Experiências anteriores com empresas, profissionais, produtos e serviços, incentivam as pessoas a avaliarem e recomendarem ou não para seus familiares, amigos ou conhecidos. Fazer um link é criar uma recomendação, dar um aval, para que os seus usuários possam adquirir um conteúdo, produto ou serviço de qualidade.

Se por algum motivo, você descobre que alguém te recomendou um produto por interesse ou foi pago para fazer isso, é gerado um descrédito imediato, não é? Para o Google, na internet deve acontecer da mesma forma e é por isso que estratégias como compras de links são consideradas técnicas de spam.

Para entender o que formam bons links, vamos ver os principais critérios utilizados para avaliação dos sites de busca:

Popularidade Global

Quando milhares de sites fazem links para um determinado domínio, os crawlers entendem que, provavelmente aquele é um site importante e popular.

 

Popularidade Local

A popularidade local é capaz de se sobrepor a global à medida que o termo de busca tem relação direta com a localização do usuário. Por exemplo, se você mora em São Paulo e está precisando de um pintor, é bem provável que você contrate um próximo a você, mesmo que o melhor e mais popular pintor do Brasil esteja no Rio de Janeiro, dificilmente você optar por ele.

Texto Âncora

O texto âncora é aquele utilizado para a marcação do link. Se vários sites criam links para o seu site com o nome da sua empresa, ou com a palavra “SEO” para o seu incrível artigo sobre otimização de sites, faz sentido entender que são links reais e que provavelmente o seu artigo é realmente sobre Search Engine Optimization. Por isso, se você linka suas páginas com “clique aqui”, é hora de corrigir seus textos âncoras imediatamente.

TrustRank

O TrustRank ou ranqueamento de confiança, é utilizado para medir a confiança dos links externos. Conseguir links de sites populares e altamente confiáveis tem muito mais peso do que sites de menor expressão. Portais de notícia e sites governamentais são bons exemplos.

Os links que você cria para outros sites também entram na “continha” dos algoritmos do Google. Páginas que apontam para outras páginas e sites de grande relevância tendem a obter uma pontuação extra, dessa forma, os motores de busca entendem que você fortalece a qualidade do seu conteúdo, pois está apresentando aos seus usuários informações e argumentos de outros domínios, com relevância e autoridade já consolidadas.

Dadas as devidas proporções, o mesmo acontece para links ruins. Caso um site de spam link para o seu site tendo recebido um link de volta, seu projeto tende a ser entendido também como spam. Você deve pensar, mas porque motivo eu faria um link para um site de spam? Não se esqueça que a web é dinâmica e sites são avaliados todos os dias e podem ser classificados como spam e penalizados pelo Google a qualquer momento. Por isso, muito cuidado com os links que você cria.

Compartilhamento Social

Ainda é muito difícil medir o valor de compartilhamentos sociais, já que são tratados de forma diferente dos links comuns (considerados com um valor superior ao compartilhamento social), mas sabe-se que os motores de busca são capazes de enxergar conteúdos populares e com alta taxa de compartilhamento.

Como conseguir links?

Existem inúmeras formas de adquirir links para o seu site e é importante que você faça primeiro o que depender somente de você. Dentre as principais estratégias, temos:

Cadastro em diretórios de sites

Diretórios de sites funcionam como índices, organizados por assuntos e que apresentam diversos artigos, funcionando como uma loja de discos, com vários temas e gêneros, mas ao invés de discos, são sites. Estes diretórios não possuem (ou possuem muito pouco) conteúdo próprio e por isso dependem de produção externa.

Feeds e Social Bookmarks

O mais famoso e popular feed é o RSS. A maioria dos sistemas de gerenciamento de conteúdo (CMS) como o Wordpress já possui um sistema de feed integrado. A utilização de um feed RSS possibilita que os usuários assinem (gratuitamente) de maneira simples e recebam o seu conteúdo por meio de sites ou aplicativos que fazem a leitura da linguagem XML, apresentando títulos e uma prévia do conteúdo, criando um link para o artigo completo, por exemplo.

Existem sites que proporcionam usuários de favoritarem seus conteúdos preferidos, criando links e facilitando o compartilhamento, chamados de Social Bookmarks. Um dos mais famosos e mais utilizados é o Delicious.

Backlinks ou links externos

O mais difícil é o melhor. Obter que outros sites que tratem do mesmo assunto que o seu criem links para o seu site é, obviamente mais difícil que os outros dois tópicos citados anteriormente, porém, quando feitos da maneira correta, são os de maior peso para os buscadores.

Mas, como conseguir que estes outros sites façam isso?

Naturalmente

Talvez você já tenha lido e ouvido muito isso, podendo até ser considerado clichê, mas a criação de um conteúdo incrível, que seja visualmente atrativo, rico em informação e diferente de tudo que exista no segmento é capaz de gerar muitos links e de excelente qualidade.

O fato dos links serem criados naturalmente, não significa que você não deve ter uma excelente estratégia de divulgação. Por isso, divulgue o conteúdo nas redes sociais e considere criar campanhas patrocinadas. Atingindo as pessoas certas e em maior quantidade do que você possa ter atualmente em termos de tráfego orgânico, potencializa as oportunidades de sucesso.

Relacionamento

Você pode enviar e-mails ou mensagens através de redes sociais, da forma mais amigável possível, para criar parcerias e construir um bom relacionamento. Lembre-se de que links de sites que tenham relação com o seu, tem mais valor para os sites de busca, por isso, não faça um contato agressivo do tipo “Ei, crie um link para o meu site!”.

Caso a essência do material criado seja de utilização popular, é possível obter links de grandes portais de notícias. Vale a pena tentar um contato e enviar aquele conteúdo incrível de que já falamos.

Por onde eu começo? Veja 5 estratégias para link building

Não existe uma fórmula ou segredo para o sucesso, cabe a você executar os esforços necessários para a construção de links. Aqui, vamos apresentar 5 maneiras de obter backlinks para o seu site:

  1. Peça a parceiros e clientes

    Parceiros e clientes que possuam sites, podem ser uma boa fonte para conseguir seus primeiros links. Se você é um desenvolvedor ou trabalha em uma agência digital, melhor ainda.

  2. Crie um blog de sucesso

    Avalie as páginas do seu site, uma área essencialmente dinâmica, projetada para geração de conteúdo frequente, como um blog, é fundamental. Fique atento a arquitetura, principalmente com as categorias, faça um estudo e procure utilizar palavras-chave relevantes para o seu segmento.

  3. Crie um conteúdo incrível

    Um conteúdo incrível não se limita a criar um excelente texto em seu blog. Se preocupe em oferecer uma experiência diferente, com um visual arrojado e criativo. Dê o melhor de si, ofereça algo que pode realmente mudar a vida das pessoas ou melhorar a experiência delas em determinadas circunstâncias. Hotsites, e-books e vídeos são bons exemplos de materiais que podem se tornar o seu conteúdo incrível.

  4. Crie um conteúdo de utilização popular

    Um conteúdo de utilização popular é aquele que tem a capacidade de ser útil para a maioria das pessoas, não para um pequeno nicho. Um exemplo bem simples seria um hotsite com um design criativo, abusando de efeitos visuais e que seja acessível de dispositivos móveis com o objetivo de auxiliar usuários a anunciarem em redes sociais como Facebook e Instagram. Este, é um assunto que é de interesse de milhares de pessoas e grandes portais de notícias podem se interessar pelo assunto, criando links de enorme relevância para o seu site.

  5. Links patrocinados

    A criação de anúncios patrocinados no Google e Facebook vão trazes vários benefícios, mas com uma campanha bem estruturada, um deles é imediato: o aumento do público-alvo. Com ele muitas estratégias podem ser exploradas. Você pode inclusive agrupar estratégias que já apresentamos até aqui.

    Imagine que você produziu um conteúdo incrível e deseja divulgá-lo através de uma campanha patrocinada. Para baixar o seu e-book, os usuários devem informar o e-mail antes de prosseguir com o download. Neste momento, você inicia a criação de uma lista de contatos de pessoas que realmente tem interesse em ouvir o que você tem a dizer. Além disso, se o que você está entregando é realmente bom, você acaba de multiplicar as chances de obter backlinks. E mais: se o seu conteúdo for de utilização popular, você acaba de explorar algumas excelentes estratégias.

 

Algumas ressalvas

Muito cuidado ao fechar parcerias entre pequenos grupos de sites para troca de links. Existe um esforço muito grande do Google para evitar este tipo de prática e, cedo ou tarde, você acabará sendo pego, podendo até ser banido do índice.

Procure distribuir sua estratégia de link building em várias páginas do seu site. Concentrar todos os esforços em uma única fonte de conteúdo pode caracterizar uma técnica de Black Hat. Vale a pena insistir: tudo o que parecer muito fácil, não natural ou crie padrões estranhos para o gigante das buscas, pode gerar problemas.

em
Compartilhe este artigo: